Saltar para conteúdo
Descubra Ansião 1 Descubra Ansião 2 Descubra Ansião 3 Descubra Ansião 4 Descubra Ansião 5 Descubra Ansião 6 Descubra Ansião 7
Património Militar

cultura e história - Património Militar

Ruínas da Torre da Ladeia

  • galeria
Ponto Turístico 14

Ruínas de uma Torre do século XV, que protegia uma faixa de terras despovoadas particularmente relevante no contexto da Reconquista Cristã na defesa da cidade de Coimbra. Para além dos objectivos defensivos, a Torre da Ladeia protegia ainda a fonte de água que ali nasce.

A norte da sede de freguesia, encontrará ruínas de uma construção que data do século XV.

A antiga Torre protegia a Ladeia — uma faixa de terras despovoadas que funcionava como uma espécie de fronteira movediça, ora pertencia aos mouros ora aos cristãos. A Torre da Ladeia foi um importante equipamento militar de defesa da Ladeia, particularmente relevante no contexto da Reconquista Cristã, quando estava em causa a defesa da cidade de Coimbra.

Para alem dos objectivos defensivos, a Torre da Ladeia protegia ainda a fonte de água que ali nasce.

Apesar do estado avançado de ruína, é ainda perceptível o corpo da Capela de Nossa Senhora do Pilar (edificada em 1693) e a interligação de alguns espaços reservados à habitação. É igualmente bem visível uma ampla escadaria de dois lanços opostos que convergem para um patamar de acesso à capela. O frontispício ostenta o brasão dos Figueiredo Carneiro de 1693.

No interior, distingue-se a cabeceira do templo e vestígios da cobertura da capela-mor. Ao fundo, deparamo-nos com uma construção alta e de planta poligonal irregular, que fica no termo murado. Possivelmente junto a esta antiga construção situava-se a Torre da Ladeia.


Mapa com a localização
É necessário ter javascript ligado para a ver este conteúdo.

Morada

Charneca do Alvorge

GPS

39°58'55.25"N | 8°27'08.63"W download GPX

Áudio guia